Tratamento ambiental: Vazamentos de óleo no solo

Tratamento ambiental: Vazamentos de óleo no solo

Em obras realizadas em locais onde existe uma preocupação com a preservação da natureza e do meio ambiente, é importante que o projeto apresente certa preocupação em relação ao gerenciamento de resíduos no local.

A contaminação de um espaço preservado, pode prejudicar gravemente a biodiversidade ali presente. Mesmo assim, em certas situações de descuido ou até acidentes, pode ocorrer o vazamento de produtos prejudiciais, entre eles, o óleo.

Por esse motivo, é importante que se contrate uma equipe já especializada e preparada com os produtos corretos para a remediação de áreas contaminadas.

Vazamento de óleo no solo contido através de sua absorção

Existem hoje no mercado, produtos e materiais que foram desenvolvidos justamente para situações em que o solo acaba por contaminado com vazamento de óleo.

Segundo o portal de Engenharia e Arquitetura, AECweb, é importante salientar que essas medidas que são tomadas, para a redução dos danos, devem estar de acordo com as especificações no Ministério do Meio Ambiente.

A manta absorvente é um dos produtos mais procurados para a situação. Para que o resultado esperado seja obtido, é importante que ela seja pressionada no local.

Este onde ocorreu o vazamento, conseguindo assim, absorver o máximo possível de óleo. É sempre importante lembrar que o monitoramento durante essa contenção seja feito.

Evitando que outros vazamentos ocorram da fonte que aconteceu o primeiro. Por isso, todo o processo deve ser acompanhado a risca e com muita atenção.

Existem outros tipos de absorvente de óleo, que foram desenvolvidos para situações de difícil limpeza, mas que também podem ser usados.

Eles são biodegradáveis, possuem alta capacidade de absorção, além de pouca água. São úteis na limpeza de locais como:

  • Solo;
  • Bueiros;
  • Valas;
  • Enseadas;
  • Canaletas;
  • Ralos;
  • Entre outros ambientes de baixas dimensões.

A importância da contenção do vazamento de óleo

É importante salientar que todo o uso de produto para estancar vazamento, deve seguir as diretrizes do Manual de Gestão de Resíduos Perigosos, disponibilizado pelo Ministério do Meio Ambiente.

Todo esse cuidado é necessário, visto que o os efeitos do vazamento desses resíduos, causam perigosos e duradouros danos sobre o solo.

E também sobre a saúde da população que mora próxima ou se sustenta através de recursos naturais presentes no local.

Todos esses perigos, só foram detectados ao longo dos anos, após inúmeros problemas causados pelo mal gerenciamento desses resíduos.

Assim, é importante que em toda ocasião de vazamento ou má administração de óleos, a primeira medida deva ser a contenção. Logo após, as medidas de limpeza devem ser pensadas e aplicadas imediatamente.

No entanto, não só no solo é que problemas com vazamento de óleo, podem ser danosos. Em alto mar, rios, lagos e represas, existe o perigo constante de contaminação.

E, assim como no solo, a vida dentro da água, além do sustento de diversas famílias pode ser comprometido.

Nesses espaços, o mais indicado e a aplicação de uma barreira de contenção de óleo. Elas impedem que o resíduo ultrapasse os perímetros de onde ocorreu o vazamento.

Assim, facilitando a retirada do produto tóxico, antes que ele se espalhe por todo o ambiente. Essas barreiras são constituídas de material absorvente sintético, como polímeros e fibras de polietileno.

E são encapsuladas linearmente, sendo conectadas entre si, em as barreiras de contenção. Em caso de falta de material necessário, é muito comum que em rios essas barragens sejam feitas em formato de comportas.

E diques improvisados com pedras, capim, palha, terra ou até mesmo em construções com madeira ou alvenaria.

Porém, é importante reforçar que nenhum material substituí os que foram desenvolvidos especialmente para esse tipo de acidente, e que são indicados pelo Ministério do Meio Ambiente.

Existem outras medidas que devem ser tomadas para a proteção ambiental, em casos de vazamento de óleo. É importante que o material vazado seja direcionado a locais afastados de possíveis focos e fontes de incêndio.

Como ambientes de muito calor, fagulhas, chamas, faíscas, etc. Além disso, locais onde circulam pessoas e animais, ou que possuem redes de esgoto ou drenagem, devem ser desconsiderados nesse direcionamento, não causando a contaminação da população.

O cuidado com o meio ambiente, deve ser prioridade em novas obras e construções. Locais de preservação, devem ser mantidos e protegidos de novas ações humanas perigosas.

Para que a vida na Terra se prolongue e seja possível, sem novos prejuízos e danos à saúde e sobrevivência de pessoas, animais e plantas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *