O papel do licenciamento ambiental e dos cuidados com os solos

O papel do licenciamento ambiental e dos cuidados com os solos

Os cuidados com o meio ambiente, como o licenciamento ambiental, são primordiais para a preservação das espécies e dos recursos naturais. Cuidar do ambiente é uma responsabilidade de todos (pessoas e empresas) que precisam pensar como as suas escolhas e ações que geram impactos, sejam eles positivos ou negativos no meio em que vivemos.

Atitudes e simples mudanças de hábitos podem surtir um grande efeito rumo aos cuidados ambientais. Investir no uso de fontes de energia renovável, separar os resíduos corretamente para a coleta seletiva, ter um consumo consciente e controlar o volume de água utilizado nas atividades diárias são apenas algumas das inúmeras ações que podem ser feitas para ajudar.

Os indivíduos se questionam a respeito de colocar em prática estes atos, pensando que não podem surtir efeito, mas são as pequenas mudanças que geram grandes resultados. Com cada pessoa fazendo a sua parte, e pensando no bem de todos, é o caminho para uma transformação coletiva, com mais consciência e responsabilidade.

O papel de empresas e órgãos que ajudam a cuidar do meio ambiente

As pessoas podem cuidar do ambiente com pequenas ações, mas não estão sozinhas nesta tarefa. Há empresas nas esferas estaduais, federais e municipais que tem a função de proteger os recursos naturais e conscientizar as pessoas e empresas sobre o que pode ou não ser feito em áreas verdes.

O CONAMA (Conselho Nacional de Meio Ambiente) e o Ministério do Meio Ambiente são órgãos federais que propõem diretrizes e padrões que visam cuidar do ambiente, promovendo a sustentabilidade e evitando a degradação das áreas protegidas e reservas florestais. A criação de leis e as exigências de documentações para atuação de empresas, são métodos que podem ajudar a diminuir o impacto ambiental.

A relevância do licenciamento ambiental

Os comércios e empresas que tem algum potencial de impacto ambiental, ou podem gerar muitos problemas, precisam ter uma documentação especial para trabalhar. O licenciamento ambiental é um processo exigido pelas autoridades que atuam no cuidado ambiental.

Uma licença ambiental é um instrumento que ajuda na preservação, melhora na qualidade e recuperação. Existem 4 tipos de licenças que as empresas em diferentes áreas podem obter: licença prévia, de instalação, de operação e de pesquisas sísmicas.

O trabalho dos empreendimentos só podem acontecer depois de obter a licença ambiental de operação, ou seja, após obter o documento que certifica que o imóvel foi construído conforme o projeto e que respeita as regras do ponto de vista ambiental. Esta licença autoriza as atividades.

Cada estado tem um órgão que cuida destas questões e concede as licenças para as empresas. No estado de São Paulo, a CETESB (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) que recebe os pedidos de licença, analisam todos os casos e se a empresa tem as condições para ter todas as licenças, e assim, permitir que os empreendimentos possam operar seus trabalhos com segurança, concedendo a licença ambiental CETESB.

Há casos em que o processo de licenciamento se divide nas esferas estadual e federal. Neste caso, além da licença do órgão que opera no estado, é necessário ter uma licença IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais), que tem a função de cuidar dos processos de licenciamento para trabalhos em mais de um estado.

Cuidado importantes com os terrenos

As pessoas que desejam construir um imóvel, precisam investir em cuidados específicos com o espaço. Entender mais sobre o local é muito importante para conseguir um resultado positivo e os serviços de análise do terreno, feito por profissionais especializados que podem ajudar neste processo.

A topografia de terreno é uma maneira de entender mais sobre algumas particularidades do solo, e assim se preparar melhor para as situações de obras. As vantagens deste processo são:

  • Viabilidade para construção;
  • Economia de tempo e material;
  • Segurança;
  • Qualidade;
  • Evita acidentes geográficos.

Pesquisar informações sobre empresas especializadas no processo de topografia, é o modo de conseguir um relatório topográfico do terreno.

Produtos que podem ser usados em serviços de plantio

Uma forma de ter um gramado no imóvel, é preparando o espaço e usando semete de grama para ter um pouco de verde no local. Para plantar é necessário nivelar bem o terreno e ter um solo fino para que as sementes se adaptem à terra, que precisa estar ligeiramente úmida.

Nos espaços que há plantas é necessário fazer uma adubação, ou seja, suprir as carências de nutrientes que o solo pode ter. O fertilizante foliar mineral é um produto que ajuda a potencializar a produtividade, ajudando em uma resposta rápida para as plantas que absorvem mais os micronutrientes como: boro, cobre, ferro e zinco.

Deste modo, os cuidados com os terrenos em todas as fases são formas de ter um imóvel para trabalhar, com os documentos conforme exigem os órgãos, e assim evitar prejuízos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *