Qual a importância das lixeiras na coleta seletiva?

Qual a  importância das lixeiras na coleta seletiva?

A coleta seletiva é uma alternativa de otimizar todos os meios de destinação correta do lixo.
E por falar em lixo. Vale a pena ressaltar que lixo é uma palavra geral para designar as palavras “resíduo” pois os descartes que ainda têm alguma utilização possível por meio da reciclagem ou reutilização são nomeados assim.

A importância da Coleta seletiva de lixo é justamente a redução dos impactos ambientais do consumo.

Quando separamos o lixo , melhoramos muito o seu tratamento e reduzimos todas as as chances de impactos nocivos para o ambiente e para a saúde da vida no nosso planeta, incluindo a vida humana.

Como funciona a coleta seletiva?

A coleta seletiva estabelece que todos os rejeitos sejam classificados em úmidos, secos, recicláveis e orgânicos. E dentro dessas categorias, há as subcategorias.

Os recicláveis, por exemplo, estendem-se ao alumínio, o papel, o papelão e alguns tipos classificados de plástico e entre outros.

Quando esses produtos recicláveis são coletados e chegam até às cooperativas, eles são separados detalhadamente para serem reaproveitados. O que não é reaproveitado é levado até os aterros sanitários.

Todo esse caminho tem extrema relevância, isso porque o lixo descartado de maneira incorreta que não passa por esse procedimento pode acabar indo parar em bueiros e valas, entupindo-as.

Ou então se acumular em locais inadequados formando focos de proliferação de mosquitos e de outros vetores de doenças.

O vento ea chuva podem transportar o descarte para mares e rios

Nessa situação, até mesmo o lixo descartado de maneira correta pode ser levado através do vento e da chuva até parar no oceano.

Mas os descartes incorretos têm mais chances de serem transportados dessa maneira.(pelo vento e pela chuva).

Materiais perigosos, por exemplo, pilhas e objetos eletrônicos, quando descartados de forma incorreta, poluem todo o solo, a água e às vezes até mesmo o ar significantemente.

Como facilitar o trabalho dos coletores de lixo

É importante que as pessoas escolham com atenção o tipo de lixeira de rua que vai colocar na porta de sua casa.

Para que a coleta seletiva ocorra, o ideal é que para cada porta de prédio ou casa tenha uma Lixeira de rua adequada e com tamanho coerente ao lixo descartado no local.

Essas lixeiras podem ser feitas de diversas maneiras e materiais. Algumas trazem uma melhor segurança para os moradores, pois os lixos ficam suspensos.

Fora do contato com animais e crianças que possam querer brincar com o lixo, que são as Lixeira de ferro para calçada.

Elas geralmente são fixas no chão e tem diversos tamanhos formatos diferentes.

Atualmente, muitas empresas trabalham com esse produto e instalam no local solicitado.

O preço varia bastante de cidade para cidade e o ideal seria pesquisar em vários fornecedores diferentes.

Mas para os que não podem investir em lixeiras de ferro, é possível encontrar lixeiras seletivas de plástico e com preços mais acessíveis, como por exemplo a Lixeira seletiva preço, tendo o custo por volta de R$ 80.

Dentre esses e muitos outros motivos, a Coleta de lixo seletiva é importante para a sociedade.

Reciclando, haverá uma redução e com isso a prevenção de riscos na saúde pública, pois dessa forma, os resíduos não são enviados a lixões ou aterros sanitários.

O que acaba não contaminado o solo, os rios e o ar, que de forma indireta espalharia doenças.
A redução e a prevenção de consequências ambientais fazem a prevenção da exploração dos meios naturais.

Dessa maneira, com o retorno dos produtos ao ciclo produtivo, não é necessário que novos recursos naturais sejam usufruídos.

Reciclar é economizar energia, economizar recursos naturais e oferecer de volta ao ciclo produtivo o que alocamos fora.

Para entendermos a reciclagem é necessário rever a ideia que temos sobre o lixo, deixando de enxergá-lo como uma coisa suja e inútil.

Muito dos materiais que vão para o lixo podem ser reciclados

Observando todo o tempo de decomposição natural de alguns produtos tais como:

  • plástico (447 anos),
  • vidro (4.998 anos),
  • lata (101 anos),
  • alumínio (de 205 a 499 anos).

Nos dias de hoje a produção anual de lixo em todo o planeta é aproximado a 401 milhões de toneladas.

O que fazer e onde inserir tanto lixo é um dos grandes desafios no final desse século.

A Reciclagem é uma maneira para diminuir o problema, entretanto, é importante o engajamento da população para fazer esta ação.

O primeiro passo é reconhecer que o lixo é uma fonte de riqueza e que para ser reciclado deve passar por um processo de separação corretamente.

Ele pode ser separado de diversas maneiras e a mais simples é separar o lixo orgânico do inorgânico (lixo molhado e lixo seco).

Essa é uma atividade simples e de grande valor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *