Gestão ambiental e sustentabilidade: possibilitando novas abordagens

Gestão ambiental e sustentabilidade: possibilitando novas abordagens

O mundo está em um caos ambiental. Temos estações climáticas desreguladas, nossos rios estão poluídos, o ar está cada vez mais seco, o desmatamento cresce muito, principalmente na maior floresta do mundo chamada de Amazônia, as geleiras estão derretendo, e vemos tudo isso estáticos, como se o que ocorresse fosse fruto de mera casualidade, o que não é verdade.

As ações humanas têm grande peso no desequilíbrio ambiental em que estamos inseridos, sendo assim, nossas escolhas e práticas são a única saída para repararmos todo o dano causado, rumo a um planeta sustentável.

Ser sustentável é ser muito mais do que a utilização de materiais biodegradáveis e a reciclagem. Ser sustentável é pensar de maneira consciente e responsável em um mundo melhor para nossas gerações futuras.

Sustentabilidade é um conceito que alega que todos os processos envolvendo a sobrevivência do ser humano devem ser feitos com materiais e metodologias capazes de devolver ao meio ambiente tudo aquilo que dele é retirado.

Anulando todo o impacto negativo com o impacto positivo, promovendo a vivência de todos em um planeta que comporta o uso de todos os recursos utilizados sem entrar em “déficit” ambiental.

Isso inclui desde coleta de resíduos e despejo em locais apropriados, até a formação de diversos produtos e substâncias, no processo conhecido como reciclagem. Tudo isso permite ao mundo uma nova forma de pensar e ser e, principalmente, de preservar o planeta.

Gestão ambiental: uma forma de entender o meio ambiente

Para termos um mundo mais sustentável e principalmente ter serviços que condizem com a preocupação que devemos ter com o meio ambiente, surgem os profissionais especializados no assunto, como os gestores ambientais e engenheiros ambientais.

De modo geral, o gestor ambiental lida com a maneira que se usará os recursos naturais para garantir que a biodiversidade do ecossistema não seja afetada. Assim, a gestão ambiental e o profissional podem atuar em diversas cidades, no campo, e em áreas florestais degradadas.

Uma das responsabilidades de um gestor ambiental é o desenvolvimento de programas de coleta de lixo e de reciclagem, principalmente quando envolve o tema coleta seletiva. Além disso, ele trabalha ativamente na educação ambiental.

O gestor ambiental ajuda também na análise dos impactos das atividades dos seres humanos sobre os recursos naturais, como a água, o vento, o solo, e ajuda também na elaboração de técnicas de exploração menos danosas ao ambiente.

Um gestor ambiental é muito importante dentro da construção civil, pois é ele que desenvolve o plano de gestão ambiental de resíduos da construção civil, que determina onde e como será feito o recolhimento e o reaproveitamento do entulho das obras.

Polietileno granulado e a importância da reciclagem

A reciclagem é um ponto importantíssimo para o desenvolvimento de uma vida sustentável, isso porque a reciclagem educa, e principalmente ensina o valor que cada recurso tem.

É importante lembrar que a coleta seletiva é aquela onde se separa os diferentes tipos de materiais, entretanto, essa seleção deve acontecer primeiramente em casa, para que quando chegue na concessionária de limpeza, o lixo possa ser descartado apropriadamente.

Dentro dos processos de reciclagem, nós temos a reutilização do plásticos para a formação de novos produtos como no caso do polietileno granulado preço reciclado.

O polietileno é um material de alta densidade feito primeiramente por empresas de termoplásticos. Possui grande utilidade tanto na indústria como em outros setores dada a sua característica de alta flexibilidade e resistência química.

É possível destina-lo à reciclagem e, assim, produzir um novo tipo de material com as mesmas características, que nada mais é do que o Polietileno granulado de alta densidade reciclado, também conhecido como PEAD reciclado.

Esse tipo de material é muito usado para a fabricação de frascos de embalagens, óleos automotivos, brinquedos, assentos sanitários e diversos outros tipos de objetos.

Isso demonstra a capacidade da reciclagem de reinventar todos os materiais que os seres humanos utilizam e que são prejudiciais ao meio ambiente.

É por isso que cada vez mais empresas e governos investem em pesquisas científicas para o desenvolvimento mais eficaz e preciso de materiais que não são danosos ao meio ambiente, isso gera inúmeros benefícios como:

  • diminuição de custos;
  • recuperação de florestas;
  • preservação da fauna;
  • produção sustentável.

Só com pesquisas e apoio financeiro será possível desenvolver processos, materiais e formas sustentáveis para resgatarmos aquilo que temos de melhor, o nosso planeta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *