Estilos de vida em prol da natureza

Com a fase adulta vem a necessidade de definir qual estilo de vida adotar. Mais do que definir como será a sua rotina, é preciso saber quais serão os valores seguidos, qual impacto se deseja ter no mundo e na natureza.

Muitos estilos de vida prezam por um contato maior com a natureza e por sua preservação. Neste artigo, você vai conhecer mais sobre dois dos principais modos de se viver em harmonia com o meio ambiente.

A felicidade dinamarquesa

Segundo uma pesquisa feita pela Universidade da Colômbia em 2016, a Dinamarca é o lugar com o povo mais feliz do mundo. Para entender as motivações para esse título, você precisa conhecer o estilo de vida hygge, típico do país.

Não há uma tradução exata para essa palavra, tão usada pelos dinamarqueses. Talvez um termo que se aproxime mais do significado seja “aconchego”. Mas o hygge é um conceito que abarca todas as situações prazerosas e que geram conforto. Pode significar segurança, sociabilidade.

Então, dessa forma,não é correto afirmar categoricamente que é o mesmo que aconchego.

Esse estilo de vida se baseia em se cercar de positividade, em estar próximo de objetos, lugares e/ou pessoas que te causam bem-estar profundo.

O hygge pode ser deixar a cama repleta de travesseiros para dormir, pode ser brincar com o animal de estimação no quintal da casa, pode ser algo tão simples quanto beber um suco de laranja feito na hora pela manhã. Cada pessoa tem o seu hygge específico, é algo muito pessoal.

A casa de quem possui esse estilo de vida se vale da hygge decor.

Essa é uma forma de decoração que não preza a estética em primeiro lugar, mas o aconchego. Como a Dinamarca é um país frio, havia a necessidade de criar casas quentes, que servissem como um refúgio para o exterior gelado.

Assim, os materiais que oferecem conforto térmico eram os favoritos, com muita madeira, tapetes, texturas macias e fogo (lareiras ou velas).

Uma das marcas principais desse estilo decorativo é a valorização da iluminação natural. São casas com muitas janelas, com cortinas de cores claras ou transparentes e paredes de tons claros para que a luz solar seja refletida.

Segundo os dinamarqueses, a luz solar é um dos fatores essenciais para a felicidade, assim como o contato com a natureza de modo geral.

A melhor forma de ter esse estilo de vida é conservando objetos de valor sentimental na casa, cozinhando para si e para as pessoas amadas, chamando amigos com frequência e fazendo uma decoração aconchegante.

O veganismo

Muitas pessoas pensam que o veganismo se restringe à alimentação vegana, mas, em verdade, trata-se de um estilo de vida.

As mudanças de comportamento são muito mais profundas e, para exemplificar, é possível pensar em outras restrições que vão além da comida. Um vegano não consome os seguintes tipos de produto:

  • Feitos com couro;
  • Feitos com lã natural;
  • Feitos com pelo natural;
  • Feitos com seda;
  • Testados em animais;
  • Que contenham gordura animal.

Isso inclui diversos produtos, desde cosméticos até medicamentos, passando por peças de vestiário, itens decorativos para a casa e muito mais.

Para ter certeza de que não há consumo de produtos que desrespeitem, firam ou matem outras espécies, há muita pesquisa no dia a dia de um vegano.

A máxima é respeitar a mãe natureza e evitar ao máximo a crueldade e a exploração. O objetivo é viver em harmonia e entender que os humanos são parte da natureza, repudiando a poluição, o uso indiscriminado dos recursos e a classificação de outros animais e seres vivos como mercadorias.

É comum que uma pessoa vegana esteja envolvida em causas sociais, que promova boicotes a determinadas empresas, que faça ativismo para que cada vez mais pessoas escolham esse modo de vida.

É uma verdadeira comunidade, que luta por mudanças na sociedade e se apoia, compartilhando informações e se organizando.

A preocupação com a saúde também é muito presente no veganismo. A prática de meditação, de exercícios físicos, o contato com os animais e com as plantas, a cultivação das próprias hortaliças, o intuito é ter corpo e mente equilibrados.

Em conclusão, existem muitos estilos de vida que veem a natureza como caminho para a felicidade.

Com sustentabilidade, ecologia e mudanças de hábito, são uma forma de ir contra o padrão da vida moderna. Em uma sociedade na qual tempo é dinheiro, focar em se sentir feliz e confortável faz toda a diferença.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *