3 procedimentos para a manutenção do meio ambiente

3 procedimentos para a manutenção do meio ambiente

A questão do cuidado ambiental deixou de ser uma atitude para amanhã. Ela é tão importante que precisa ser discutida hoje e colocada em prática da maneira mais rápida de pudermos. Essa é uma preocupação que está em grande evidência, não só no Brasil, como no mundo todo.

Sendo assim, a preservação do meio ambiente é fundamental para que a Terra dure mais tempo e seja um local mais protegido e seguro para nós e para as espécies que vivem conosco.

Para falarmos um pouco mais sobre isso, separamos três procedimentos fundamentais para a manutenção do meio ambiente. Confira logo abaixo.

1. Remediação de solos contaminados

A remediação de solos contaminados é provavelmente a primeira atitude que precisa ser tomada quando o assunto é a proteção do meio ambiente. Isso, porque as áreas contaminadas são um perigo tanto para a terra como um todo quanto para nós, os seres humanos.

Entende-se como área contaminada qualquer local que tenha substâncias que podem causar danos à saúde humana ou ao meio ambiente. Lixões e aterros sanitários são alguns exemplos disso. Dessa forma, a remediação do solo trata da retirada dessa fonte de contaminação.

Isso reduz a contaminação do solo, das plantas, das águas e dos lençóis freáticos. Em consequência, animais também não são infectados e pessoas correm menos riscos de contraírem doenças e outros problemas causados por isso.

Para saber que tipo de tecnologia e procedimento utilizar para essa remediação, é necessário, antes, seguir alguns passos:

  • Realizar uma avaliação preliminar;
  • Avaliar os riscos;
  • Avaliar concentrações das substâncias;
  • Analisar e investigar o que aquelas substâncias podem causar;
  • Definir o que será aceitável futuramente;

Ou seja, é preciso que as pesquisas feitas em todo esse processo sejam detalhadas e profundas, a fim de evitar danos futuros e fazer com que essa remediação seja feita de maneira adequada e com qualidade.

2. Licenciamento ambiental

O licenciamento ambiental é outro tipo de procedimento essencial para que possamos proteger nosso meio ambiente. Existem diversos tipos de licença, uma para cada tipo de exercício.

Uma delas é a licença ambiental simplificada (LAS). Ela é concedida para atividades ou empreendimentos de pequeno porte e que tenham baixo potencial de poluição.

Assim, a licença simplificada é facultada antes mesmo de iniciar a construção do empreendimento, que aprova a localização e autoriza a implantação da atividade.

Em cada estado, ela é emitida por determinado local. Pode ser feita a licença ambiental IAP (emitida pelo Instituto Ambiental do Paraná) e de qualquer outro estado brasileiro. Dessa forma, a licença iap simplificada atesta a viabilidade ambiental.

Outros tipos de licenças são:

  • Licença Prévia;
  • Licença de Instalação;
  • Licença de Operação;
  • Licença Ambiental de Recuperação;
  • Licença de Operação de Regularização.

3. Procedimentos para evitar pesca e caça ilegal

O Brasil é um país que sofre muito com esse problema. Porém, os precedimentos que evitam a pesca e a caça ilegal de animais são formas extremamente importantes de preservar o meio ambiente.

Isso, porque a extinção de determinados animais é muito prejudicial, inclusive, aos seres humanos. A extinção em massa dos animais pode causar sérias mudanças no nosso ecossistema, o que prejudica o clima e toda a natureza com impactos irreversíveis.

Precisamos entender o meio ambiente como uma corrente interligada. Quando alguma das partes se rompe, todas as outras se prejudicam.

Os impactos às espécies não são causados apenas pela caça e pela pesca em si, mas também pela destruição dos habitats naturais, como o desmatamento e as construções ilegais.

Por causa disso, é preciso que os governos criem estratégias e procedimentos que evitem esses problemas, além de remediar suas consequências.

Outra consequência causada por essas extinções é a destruição da cadeia alimentar, que causa um desequilíbrio ainda maior e pode fazer com que pragas e outros problemas aumentem.

Inclusive, a caça esportiva no Brasil é proibida. A Lei de Proteção à Fauna (como é conhecida) foi promulgada em 1967. Porém, ainda assim, sabemos que não é o suficiente para que a atitude se elimine. Dessa forma, é necessário criar estratégias de fiscalização e punição para fortalecer o procedimento.

É claro que apenas essas três atitudes não acabam com o problema de destruição do meio ambiente. Porém, seguindo-as, é possível evitar consequências muito mais sérias no futuro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *